A Recer, marca de referência no sector da cerâmica de acabamento, foi distinguida pelo 2º ano consecutivo com o prémio ‘Cinco Estrelas’ 2017.

A entrega dos prémios decorreu na Fundação Champalimaud, cujo edifício foi projectado pelo arquitecto Charles Correa e que tem aplicado 10.000m2 de cerâmica Recer.

Este é um sistema de avaliação de produtos e serviços, que se realiza pelo terceiro ano, com base em critérios que influenciam a decisão de compra em situações reais de consumo e utilização.

“Depois de termos já sido distinguidos como marca ‘Superbrands Born in Portugal’ e de posteriormente vencermos o prémio ‘Cinco Estrelas 2016’, ganhar pela segunda vez consecutiva o prémio ‘Cinco Estrelas’ significa que os nossos pavimentos e revestimentos são, cada vez mais, a opção de consumidores e profissionais. A notoriedade crescente é um incentivo para fazer mais e melhor”, afirma Liliana Rodrigues, directora de marketing da Recer.

Composta por um total de 84 referências em revestimento e porcelânico, o que permite uma ampla utilização em inúmeros tipos de espaços, a série Sphata venceu na categoria ‘Revestimentos e Pavimentos Cerâmicos’. Com uma grande oferta de relevos, cores e formatos permite a sua utilização coordenando chão e parede criando ambientes integrados ou que se misturem com outros materiais como a tinta, madeiras ou pedras. Uma série multi-formato, muito versátil, inspirado no conceito ‘handmade’ do gesso espatulado e cimentício.

A Recer obteve uma pontuação de 7,4 pontos em 10 possíveis nos prémios ‘Cinco Estrelas’. Trata-se de uma média superior aos concorrentes do mesmo sector.

O prémio ‘Cinco Estrelas’ visa identificar os melhores produtos e serviços do mercado e avalia os principais critérios que influenciam os consumidores nas suas decisões de compra. Entre os critérios está a satisfação pela experimentação; a relação preço-qualidade; a intenção de compra; a confiança na marca e, por último, a inovação.

Um comité de avaliação, testes de experimentação e questionários de avaliação massificados permitiram distinguir as marcas ‘Cinco Estrelas’.